Polícia Federal cumpriu 26 de busca e apreensão contra quadrilha que teria ligação com o PCC

A Polícia Federal prendeu, nesta quinta-feira, 18 pessoas acusadas de envolvimento no tráfico de drogas, uma delas em flagrante. As autuações foram realizadas durante a Operação Espelho. Dos 19 mandados de prisão preventiva expedidos, ainda faltam serem cumpridos dois, um no Rio Grande do Sul, e outro em Santa Catarina.

A Operação também concluiu os 26 mandados de busca e apreensão nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Mato Grosso do Sul, apreendendo 3,5 quilos de cocaína, 25 veículos, seis armas (sendo um fuzil) e R$ 48 mil. Cerca de 200 policiais participam da ação.

Segundo a PF, a quadrilha teria ligações com a organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC). Um dos fornecedores de droga do grupo, além de dois suspostos gerentes do tráfico, conforme a PF, foram presos em setembro de 2007 durante a Operação Colméia.

A investigação, que está sob o comando da Delegacia da Polícia Federal em Caxias do Sul, começou em dezembro de 2009 com a apreensão de 262 kg de cocaína e produtos químicos. Eles foram encontrados enterrados em um sítio na região de Torres (RS).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.