PF prende três policiais acusados de extorsão no RS

Eles são acusados de extorquir uma quadrilha especializada em contrabando de mercadorias oriundas de Rivera, fronteira com Uruguai

AE |

selo

A Polícia Federal de Santana do Livramento, no Rio Grande do Sul, prendeu hoje dois policiais civis e um policial militar. Eles são acusados de extorquir uma quadrilha especializada em contrabando de mercadorias oriundas de Rivera, na fronteira do Estado com o Uruguai, e remetidas ilegalmente para Porto Alegre, Caxias do Sul e São Paulo.

As prisões aconteceram durante a Operação Comodoro, deflagrada hoje, após nove meses de investigações. A operação apreendeu R$ 2,2 milhões em mercadorias, e 34 pessoas foram indiciadas. A PF estima que a quadrilha movimentasse R$ 10 milhões por ano.

Além dos policiais, foram cumpridos mandados de prisão contra oito pessoas, e três acusados foram presos em flagrante. A PF cumpre ainda 22 mandados de busca e apreensão. Os presos serão enviados ao Presídio Estadual de Santana do Livramento e permanecerão à disposição da Justiça. Os policiais serão escoltados pelas corregedorias até as suas respectivas unidades.

    Leia tudo sobre: extorsãopoliciais

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG