Agentes da Polícia Federal apreenderam, na tarde desta terça-feira, em Canoas (RS), região metropolitana de Porto Alegre, 6,5 quilos de crack no momento em que a droga era repassada a intermediários por dois traficantes, um sul-mato-grossense de 49 anos e uma paranaense de 28 anos, hospedados desde segunda-feira em um hotel na cidade. Policiais da Delegacia de Repressão a Entorpecentes (DRE) flagraram a dupla no momento em que os acusados faziam a entrega da droga a dois gaúchos, um de 34 anos, nascido em Viamão, e outro de 47 anos, natural de Canoas.

A droga estava escondida em um fundo falso debaixo do banco traseiro de um Gol vermelho, com placa de Londrina (PR).

Os quatro acusados foram levados à Superintendência da Polícia Federal, onde todos foram indiciados por tráfico de drogas e associação para o tráfico. Além da droga e do Gol, foram apreendidos um Fiat Palio, telefones celulares e cerca de 4 mil reais, em moeda nacional, dólares e guaranis (paraguaios).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.