Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

PF prende mentor de software que falsificava dinheiro

A Polícia Federal (PF) em Curitiba prendeu hoje um jovem de 23 anos que seria o responsável pelo desenvolvimento do programa de computador utilizado para fabricar cédulas falsas de boa qualidade, segundo o Banco Central (BC), principalmente notas de R$ 100. O suspeito teria desenvolvido técnicas serigráficas para o acabamento das cédulas produzidas pelo seu método, o que garantiu qualidade suficiente para circular entre o público leigo.

Agência Estado |

Das 15.687 cédulas falsas recolhidas no Paraná com tais características, 10.568 circulavam na capital, informou a PF.

A prisão é resultado da continuidade das investigações relativas à falsificação de dinheiro reprimida pela Operação Moeda Falsa, deflagrada no último dia 20. Também foi cumprido um mandado de busca e apreensão na residência do investigado, onde foram encontrados scanners e impressora da mesma marca e modelo daquelas apreendidas durante a Moeda Falsa, usadas para a impressão das cédulas.

No último dia 20 foram presas 18 pessoas suspeitas de integrar a quadrilha de falsificadores. O grupo agia havia dois anos em Curitiba e na região metropolitana. Levantamento preliminar do BC apontou que eles foram responsáveis pelo derrame de R$ 3,5 milhões (R$ 3 mi no Paraná) no mercado no último ano. A PF divulgou as séries 2771, 2777, 2771 e 2772 como as mais falsificadas pelo grupo nas notas de R$ 100.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG