PF prende homem com 19 quilos de ouro em Mato Grosso

Ouro escondido em fundo de mala corresponde a aproximadamente R$ 1.468.625,00

Helson França, iG Mato Grosso |


A Polícia Federal de Mato Grosso prendeu em flagrante na tarde desta quinta-feira um homem que transportava, sem qualquer documentação, quase 19 quilos de ouro, divididos em 43 barras. A quantia corresponde a aproximadamente R$ 1.468.625,00. Escondido no fundo de uma mala, o mineral foi apreendido no aeroporto Marechal Rondon, em Várzea Grande, quando foi detectado pelo aparelho de raio-X, pouco antes do embarque do suspeito. Ele vinha de Sinop (interior de Mato Grosso) e seguiria para São José do Rio Preto (SP).

Divulgação
Ouro apreendido em Várzea Grande
O policial federal de plantão desconfiou do peso excessivo da mala e ficou atento. Ao passar pelo equipamento de raio-X, a imagem de um quadrado preto aparecia no interior da mala. As 43 barras estavam embaladas em papel carbono azul escuro, para dificultar a detecção.

No depoimento prestado na Polícia Federal, o homem_que não teve o nome revelado pelas autoridades_disse que era a primeira vez que fazia o transporte, mas não falou onde havia conseguido o ouro. Ele apenas informou que as barras não pertenciam a dele e que somente as levaria à empresa do ramo mineral para qual trabalha, no município paulista. No entanto, ele não apresentou qualquer documento que comprovasse vínculo empregatício com a empresa, tampouco a nota fiscal das barras de ouro.

De acordo com o Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM), para o transporte de ouro, é necessário que a pessoa tenha nota fiscal comprovando a origem do material.

O rapaz foi autuado pelos crimes de receptação e usurpação (por explorar ilegalmente matéria prima da União). Ele pode ser condenado a nove anos de reclusão, além de ser multado.

    Leia tudo sobre: ouromato grossopolícia federal

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG