PF prende 25 suspeitos de integrar milícia urbana em PE

A Polícia Federal (PF) prendeu hoje 25 pessoas durante a Operação Êxodo 7 que desmantelou uma quadrilha que atuava no bairro de Rio Doce, município metropolitano de Olinda. De acordo com a PF em Pernambuco, o grupo funcionava como uma milícia urbana armada, sob o comando do ex-vereador e ex-policial militar Fernando Manoel da Silva.

Agência Estado |

Dos 26 mandados de prisão, 25 foram cumpridos. Sete dos acusados já estavam presos em função de investigações anteriores da operação.

Segundo a PF, também integravam o grupo dois policiais militares, dois policiais civis da delegacia de Rio Doce, traficantes de drogas, vigilantes e assaltantes. Todos foram indiciados por tráfico de droga, corrupção ativa e passiva e homicídio. A quadrilha é responsabilizada por três assassinatos no bairro, supostamente decorrentes de brigas com grupos rivais por domínio da área. A assessoria de imprensa da PF informou que todos os comerciantes do bairro pagavam ao grupo por segurança privada clandestina. Quando atrasavam, eram ameaçados e assaltados.

Depois de prestarem depoimento na sede da PF, no Recife, os acusados foram encaminhados ao presídio do Cotel, no município metropolitano de Abreu e Lima. Na operação também foram apreendidos duas motos, um automóvel Fiat Uno, duas pistolas .40, uma pistola .380, dois revólveres calibre 38, 3,6 quilos de maconha e R$ 5,6 mil em dinheiro.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG