PF prende 23 por fraudes contra a Previdência na Paraíba

De acordo com a Polícia Federal, entre os presos estão cinco servidores do Instituto Nacional do Seguro Social

AE |

selo

A Polícia Federal prendeu nesta quarta-feira 23 pessoas acusadas de fraudar a Previdência Social na Paraíba , causando um prejuízo estimado em R$ 10 milhões aos cofres públicos. Entre os presos, cinco são servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). 

Foram cumpridos 15 Mandados de Prisão Preventiva, oito Mandados de Prisão Temporária, 33 Mandados de Busca e Apreensão, além da determinação judicial de bloqueio de contas bancárias e sequestro de bens dos principais envolvidos. Foram apreendidos 12 veículos entre carros e motos, duas armas sendo uma espingarda e um revolver cal. 38 

Participaram da operação Agendamento Virtual 144 policiais federais de diversos Estados do Brasil e 32 servidores da Previdência Social do Estado da Paraíba. O objetivo da operação era o de combater e desestruturar organização criminosa com atuação na Paraíba que fraudava a concessão de benefícios previdenciários.

    Leia tudo sobre: polícia federalparaíbafraude

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG