PF prende 18 de 19 suspeitos de crime ambiental no PR

Subiu para 18 o total de mandados de prisão cumpridos hoje pela Polícia Federal em Paranaguá (Paraná). A ação busca 19 acusados de extrair palmito de forma ilegal do Parque Nacional Saint Hilaire e de outras áreas de proteção ambiental de Guaraqueçaba e Guaratuba.

Agência Estado |

Entre os presos estão o ex-prefeito de Guaratuba, José Ananias dos Santos, o procurador-geral do município, Jean Colbert Dias, e o chefe da Circunscrição Regional de Trânsito (Ciretran), Mordecai Magalhães de Oliveira.

Além deles, também foram presos um sargento da Força Verde, unidade da Polícia Militar para proteção ambiental, e um fiscal do Instituto Ambiental do Paraná, além de proprietários de sítios onde há palmito e funcionários de Santos. Apenas o vice-prefeito da cidade, José Ananias dos Santos Júnior, não tinha sido preso até o início desta noite.

Segundo a PF, as investigações começaram no início deste ano, logo após ter sido preso uma pessoa por extração ilegal do palmito juçara, espécie ameaçada. As apurações mostraram que a exploração e revenda ilegais eram sistemáticas.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG