PF faz operação contra tráfico internacional de drogas

Policiais cumprem 15 mandados de prisão e 9 de busca e apreensão contra suspeitos na fronteira do Brasil com a Bolívia

AE |

selo

A Polícia Federal (PF) realiza nesta quinta-feira a chamada Operação Quijarro, que tem como objetivo desarticular uma quadrilha especializada em tráfico internacional de cocaína.

De acordo com a corporação, a droga entraria no País pela região de fronteira entre as cidades de Corumbá, a 430 quilômetros de Campo Grande (MS), e Puerto Quijarro, na Bolívia. A partir de então, seria distribuída para outros Estados, especialmente Santa Catarina, a partir da capital de Mato Grosso do Sul.

A quadrilha, que trocava veículos por drogas e contratava "mulas" para transportar os entorpecentes, praticava, entre outros crimes, sequestro, coação moral e até violência física contra seus próprios integrantes.

A operação envolve cerca de 70 policiais federais e cumpre 13 mandados de prisão preventiva, dois mandados de prisão temporária e 9 mandados de busca e apreensão nas cidade de Corumbá, Landário e Campo Grande, em Mato Grosso do Sul, e em Balneário Camboriú, Itajaí e Navegantes, em Santa Catarina. Todos os mandados foram expedidos pela 5º Vara da Justiça Federal de Campo Grande.

Segundo a PF, 5 mandados de prisão se referem a pessoas que já se encontram presas no Estado de Mato Grosso do Sul. Durante as investigações, foram apreendidos mais de 100 quilos de cocaína, com a prisão de mais de 10 integrantes da quadrilha.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG