PF cumpre mandados de prisão e busca e apreensão em três Estados

BELO HORIZONTE - A Polícia Federal realizou, nesta quinta-feira, a operação ¿Bicho Mineiro¿, que contou com a participação de aproximadamente 150 policiais. A ação prendeu sete pessoas e executou 18 mandatos de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Angra dos Reis (RJ), e nos municípios mineiros de Varginha, Eloi Mendes, Boa Esperança e Guapé.

Redação |

A operação tem como objetivo desmantelar uma organização criminosa baseada em Varginha, região sul do Estado de Minas Gerais, suspeita de prática de estelionato, formação de quadrilha ou bando, falsidade ideológica, evasão de divisas e de lavagens de dinheiro.

Os primeiros indícios contra os acusados apareceram em setembro de 2007, durante as investigações de outra operação, a Roterdam. Na época, a PF percebeu indícios que ligavam empresários do comércio e do café a laranjas e empresas sediadas em paraísos fiscais.

Segundo as investigações, esses empresários estariam ocultando a real titularidade de seus bens e patrimônios das autoridades públicas e de terceiros. De acordo com a polícia, o esquema irregular no comércio de café teve início em 1995.

As buscas foram acompanhadas por auditores ficais da Receita Federal e foram apreendidos documentos, armas e dinheiro dos investigados. Os detidos devem ser encaminhados para a Penitenciária Nelson Hungria, onde ficarão à disposição da Justiça.

Leia mais sobre: PF

    Leia tudo sobre: operação bicho do matopf

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG