Tamanho do texto

Em uma operação conjunta da Polícia Federal com a Polícia Militar, a pedido do Ministério Público, foram encontrados ontem 70 títulos eleitorais nas casas do presidente da Câmara de Vereadores de Uruçuca (405 quilômetros ao sul de Salvador), José Pedro de Oliveira Castro, e de um assessor dele, que não teve o nome revelado. Além dos títulos, os policiais apreenderam listas com nomes de eleitores e locais de votação.

"Os documentos possivelmente revelam um esquema de compra de votos", acredita o promotor de Justiça Augusto César Carvalho de Matos, que instaurou o procedimento administrativo para apurar a prática de crime eleitoral. Segundo a polícia, o vereador, candidato à reeleição, e seu assessor não foram localizados e são considerados foragidos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.