Pesquisa mostra que sono estimula diretamente a criatividade

Um estudo realizado pela cientista americana Sara Mednick, da Universidade da Califórnia, em San Diego (Estados Unidos), indica que o sono REM (movimento rápido dos olhos, em inglês) atua na formação de redes associativas no cérebro estimulando diretamente a criatividade, segundo informações da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp). O sono REM é a fase de maior atividade neuronal e dos sonhos.

Agência Estado |

O estudo demonstra que o sono REM estimula o processo criativo mais do que outra fase e até quando se está acordado. Para a pesquisadora, o sono REM na busca de soluções porque as redes associativas permitem que o cérebro estabeleça novas ligações entre ideias não relacionadas. Aos participantes do estudo foram apresentados múltiplos grupos de três palavras e eles tiveram que falar uma quarta palavra que poderia ser associada com as demais.

Os testes foram realizados em voluntários divididos em três: o primeiro que dormiu à tarde e atingiu o sono REM, outro que dormiu mas não atingiu essa fase e um terceiro que ficou em descanso sem dormir. Segundo o estudo, o primeiro grupo apresentou um aproveitamento 40% melhor nos testes feitos após o período de sono, enquanto os demais não mostraram resultados diferenciados.

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG