Pesquisa aponta desaprovação do governo em três áreas

A pesquisa CNI/Ibope, divulgada hoje, mostrou que a maioria dos 2.002 entrevistados em 140 municípios desaprova o governo federal em três de nove áreas avaliadas: saúde, segurança pública e impostos.

Agência Estado |

Em outras cinco - combate à fome, meio ambiente, educação, combate ao desemprego e combate à inflação -, a maioria aprova o desempenho governamental.

"Saúde, segurança pública e imposto são áreas mais presentes no cotidiano das pessoas, para as quais a população já tem uma expectativa formada, mas a opinião é mais difusa, já que são setores que também têm participação de Estados e municípios", afirmou o diretor de operações da CNI, Rafael Lucchesi.

No caso da política de saúde, embora a desaprovação tenha caído (de 57% para 51%), a maioria entre os que souberam responder ainda não considera boa a atuação do governo. A aprovação subiu de 41% para 47%. Na segurança pública, a aprovação também melhorou (de 38% para 44%) e a desaprovação caiu (59% para 52%), mas ainda é maioria. O item impostos é aquele em que o governo tem maior desaprovação: 54%, ante 55% na pesquisa anterior, de novembro. O porcentual de aprovação caiu de 39% para 37%.

Em outras áreas o governo foi melhor, como o combate à fome e à pobreza (69% de aprovação), educação (62%), meio ambiente (58%), combate ao desemprego (60%), combate à inflação (55%) e taxa de juros (46%). Neste último item, embora o porcentual seja menor que 50%, é um pouco maior que o dos que desaprovam a política de juros do governo, 44%.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG