Péres foi defensor da democracia e da ética, diz Lula em nota

BRASÍLIA - O presidente Luiz Inácio Lula da Silva divulgou, na manhã desta sexta-feira, uma nota oficial lamentando a morte do senador Jefferson Péres, vítima de ataque cardíaco nesta manhã.

Redação |


"Jefferson Peres foi um político que sempre pautou suas ações pela defesa intransigente da democracia e da ética. Sempre procurou guiar-se pelo que julgava ser o interesse público", diz a nota assinada pelo presidente Lula.

O senador Jefferson Péres (PDT - AM), de 76 anos, morreu às 6h30 desta sexta-feira. Segundo a assessoria de seu gabinete, o senador sofreu um ataque cardíaco fulminante em casa, em Manaus.

Péres, embora pertencente a um partido da base aliada ao Palácio do Planalto, sempre adotou uma postura crítica em relação ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele foi candidato a vice-presidente nas últimas eleições na chapa encabeçada por Cristovam Buarque, senador pelo PDT-DF.


Jefferson Péres era senador pelo PDT de Amazonas / Agência Brasil

Veja a íntegra da nota do presidente:

"Nota do presidente Luiz Inácio Lula da Silva por ocasião do falecimento do senador Jefferson Peres

Recebi com tristeza a notícia do falecimento do senador Jefferson Peres e transmito à sua família meus sentimentos. Jefferson Peres foi um político que sempre pautou suas ações pela defesa intransigente da democracia e da ética. Sempre procurou guiar-se pelo que julgava ser o interesse público, mesmo nos momentos de divergências com o Governo. É uma grande perda para o Brasil, para a Amazônia e para o Senado Brasileiro.

Luiz Inácio Lula da Silva
Presidente da República
Brasília, 23 de maio de 2008."

Leia mais sobre Jefferson Péres

    Leia tudo sobre: jefferson peres

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG