Um total de 43 presos escapou na noite de ontem do Centro de Triagem da Polícia Civil Florianópolis (SC), conhecido como Cadeião do Estreito, no bairro do Estreito. Os detentos conseguiram escapar após dominarem o agente carcerário no momento em que ele abriu uma das celas para retirar o lixo.

Em seguida, os presos, que faziam o carcereiro refém, tomaram três armas da unidade. Houve troca de tiros com a polícia e dois presos ficaram feridos. Um deles foi encaminhado para o Hospital Celso Ramos.

Uma operação envolvendo policiais civis, militares e rodoviários bloqueou vários acessos às principais rodovias próximas a Florianópolis, como BR-282 e BR-101. Duas espingardas, uma escopeta e munição foram apreendidos com 12 detentos recapturados. O Centro de Triagem do Estreito é uma das unidades prisionais problemáticas de Santa Catarina. Em abril deste ano, a Justiça deu prazo de um ano para que o Estado desative a unidade após atender a uma ação civil pública proposta pelo Ministério Público Estadual. A carceragem do Estreito, feita para 70 presos, era ocupada por quase 150 no momento da fuga.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.