Penélope Cruz e Salma Hayek dormiram na casa de traficante, diz jornal

CIDADE DO MÉXICO ¿ As atrizes Penélope Cruz e Salma Hayek supostamente se hospedaram, em 2004, na fazenda de um traficante de drogas mexicano durante a gravação do filme Bandidas, afirmou hoje o jornal El Universal, com base em depoimentos concedidos à Promotoria do México por testemunhas protegidas.

EFE |

Segundo o relatório, as estrelas passaram várias noites no rancho de Sergio Villarreal Barragán, conhecido como "El Grande", no estado de Durango (norte). Villarreal é um traficante que opera também em Coahuila e Sinaloa, outros estados do norte do México, indica a reportagem, que cita documentos da Procuradoria Geral da República.

Fontes da Procuradoria consultadas pela Agência Efe disseram não ter ainda informação sobre o caso e indicaram que vão apurar a veracidade dos relatos. Aparentemente, o imóvel foi alugado pela produção do filme para hospedar Salma, indica o jornal, que não especifica se as atrizes tinham conhecimento da identidade do proprietário da fazenda, se chegaram a vê-lo ou se foram simplesmente vítimas da má logística.

Villarreal, diz o periódico, é integrante da organização dos irmãos Beltrán Leyva, antigos membros do Cartel de Sinaloa, do chefão Joaquín "El Chapo" Guzmán, e agora aliados de Los Zetas, ex-militares que trabalham também como matadores de aluguel do Cartel do Golfo.

No entanto, outros veículos de comunicação indicam que ele é um dos líderes do cartel de Juárez. O rancho no qual supostamente as duas estrelas de Hollywood dormiram fica perto da represa Peña del Águila.

Em seu depoimento às autoridades mexicanas, segundo o "El Universal", uma testemunha protegida diz que, nesse rancho, "Salma Hayek dormia quando tinha que fazer uma apresentação de um filme em Durango". Outra fonte sob proteção, um suposto matador de aluguel a serviço de Villarreal, disse também que nessa fazenda "foi onde Salma Hayek e Penélope Cruz se hospedaram quando gravaram o filme 'Bandidas'".

O "El Universal" afirma que os jornalistas da cidade que cobriram as gravações de "Bandidas", filme escrito e produzido pelo francês Luc Besson, disseram que Salma sempre se deslocou pela região com vários guarda-costas e de caminhonete.

Já Penélope teria sido mais discreta, afirma o jornal. Os jornalistas locais disseram ainda que Salma Hayek teria dado várias festas no rancho de Villarreal, propriedade que se manteve, durante sua estadia, sob fortes medidas de segurança.

Os convidados compareciam em carros de luxo como Hummer H2, Porsche Boxter, Mercedes-Benz, Cadillac Escalade, BMW X5, Ram Charger RT e Gran Marquis, afirma uma das testemunhas da investigação preliminar da Procuradoria.

As autoridades mexicanas acusam Villarreal, de 38 anos e 1,98 metros, ex-agente da Polícia Judicial e da Procuradoria da República, de traficar cocaína para os Estados Unidos. Ele é investigado por sua suposta participação em vários homicídios, entre eles o de alguns agentes dos corpos de segurança.

Leia mais sobre: Penélope Cruz , Salma Hayek

    Leia tudo sobre: penelope cruzsalma hayek

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG