Penélope Cruz diz que beijo em Scarlett Johansson foi profissional

ROMA, 20 MAI - Como foi beijar Scarlett Johansson? Professional e pouco romântico. Entramos em cena, nos beijamos e acabou, contou a atriz espanhol Penélope Cruz à imprensa italiana, comentando uma das cenas mais polêmicas de Vicky Cristina Barcelona, o novo filme de Woody Allen, apresentado no Festival de Cinema de Cannes.

Agência Ansa |

Entre os protagonistas também está o espanhol Javier Bardem, que há 15 anos havia trabalhado com Cruz em "Jamón, Jamón", em que ambos formavam o par romântico do filme. Eles voltaram a se reencontrar nos sets de " Vicky Cristina Barcelona" e engataram um namoro. A atriz não economiza elogios ao parceiro: "Para mim, Javier é o melhor ator do mundo".

Woody Allen confirma o affair entre os dois. "Não me lembro de nada no final (das filmagens). Durante as gravações, estavam todos concentrados e não havia tempo para se divertir ou sair de noite. Depois, nos últimos dias, a tensão havia diminuído... Para mim, depois ela começou a brilhar".

Em Cannes, Cruz comentou sobre as personagens femininas que já interpretou. "Eu enlouqueceria se fosse como elas (personagens), especialmente a de 'Vicky Cristina Barcelona', uma mulher instável, muito passional e excêntrica. Eu entendo muito bem as suas extravagâncias, mas não poderia me deixar ser assim. Perderia a cabeça, porque ela grita continuamente. Eu, ao contrário, raramente fico brava, mas quando acontece... bem, não ficamos muito diferentes. Quando tentava exagerar, Woody dizia: 'Fica tranqüila, com a gente as mulheres são assim'".

Leia mais sobre: Penélope Cruz , Woody Allen

    Leia tudo sobre: penelope cruzwoody allen

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG