390 mil pessoas foram atingidas e teme-se que a situação estimule a proliferação de doenças, disseram autoridades. Segundo a Climatempo, chuvas moderadas ainda devem atingir a região nos próximos quatro dias." / 390 mil pessoas foram atingidas e teme-se que a situação estimule a proliferação de doenças, disseram autoridades. Segundo a Climatempo, chuvas moderadas ainda devem atingir a região nos próximos quatro dias." /

Pelo menos 34 já morreram por causa das chuvas no Nordeste

As inundações e transbordamentos de rios registrados no Nordeste em razão das fortes chuvas deixaram pelo menos 34 mortos até terça-feira. Cerca de http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2008/04/08/mais_de_390_mil_foram_prejudicados_pelas_chuvas_no_ne_1263679.html target=_top390 mil pessoas foram atingidas e teme-se que a situação estimule a proliferação de doenças, disseram autoridades. Segundo a Climatempo, chuvas moderadas ainda devem atingir a região nos próximos quatro dias.

Redação com agências |

Agência Estado
asasasasas
Homem limpa área alaga em Teresina (PI)
O secretário nacional de Defesa Civil, Roberto Guimarães, iniciou uma visita a quatro cidades do Maranhão, um dos Estados mais afetados por um mês de chuvas intensas.

No Maranhão, onde mais de 55 mil pessoas foram afetadas em 86 municípios, as inundações já mataram 4 pessoas e deixaram uma desaparecida, disse a Defesa Civil do Estado.

No Piauí, cerca de 35 municípios já foram atingidos pelas enchentes provocadas pelas fortes chuvas no Nordeste. Ao todo, 11.950 famílias em todo o estado estão desalojadas. As famílias tiveram que deixar suas residências e hoje estão abrigadas em logradouros públicos ou em residências de parentes e amigos.

Na Paraíba, onde subiu para 75 o número de municípios castigados pelo desastre, até a tarde de segunda-feira foram contabilizados 25 mortos, e 11.800 pessoas tiveram de deixar suas casas.

Além das 1.140 casas destruídas ou danificadas, 29 estradas estaduais funcionavam de forma precária e seis tiveram a circulação interrompida.

No Ceará, as inundações deixaram pelo menos 4 mortos. Mais de 142 mil pessoas foram atingidas e 5.200 famílias deixaram suas casas, informou por telefone um porta-voz da Defesa Civil do Estado.

No Pernambuco, 31 municípios foram afetados pelas inundações e 22 decretaram estado de emergência assim que as chuvas mataram duas pessoas e prejudicaram mais 25 mil, disse um porta-voz do governo.

As chuvas, que não costumam ser fortes na região acostumada às secas periódicas, também derrubaram pontes e causaram danos em estradas.

Além de temer a proliferação de doenças, os Estados nordestinos temem grandes perdas nas colheitas. Eles já começaram a oferecer assistência a agricultores.

Reunião com Lula

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva se reuniu na segunda-feira com oito governadores para saber as necessidades da região e liberou 540 milhões de reais para socorrer as vítimas das enchentes.

Os Estados também começaram a trabalhar para conceder aos agricultores atingidos pelas chuvas um seguro de safra normalmente aplicado em períodos de seca.

O ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, disse que o presidente quer a colaboração da população para combater o mosquito transmissor da dengue.

(Com informações da Reuters, Agência Estado e Climatempo)


Leia mais sobre: chuva

    Leia tudo sobre: chuvas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG