Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Pedreiro é condenado por matar menina em igreja de SC

O pedreiro Oscar Gonçalves do Rosário, de 22 anos, foi condenado a 20 anos de prisão, em regime fechado, pela morte da menina G.E.

Agência Estado |

, de um ano e oito meses, no dia 3 de março de 2007, no interior da Igreja Adventista do 7º Dia em Joinville, no litoral norte de Santa Catarina. Ele não poderá recorrer em liberdade. O julgamento esteve sob a comando do juiz Renato Roberge, da 1ª Vara Criminal daquela Comarca, e terminou na manhã de hoje, segundo informações do Tribunal de Justiça do Estado.

A menina foi encontrada agonizando dentro de um tanque de batismo da igreja. Ela havia sido levada até o templo por um casal de primos. G. e outras crianças foram colocadas em uma pequena sala, de onde ela desapareceu. Um laudo do Instituto Médico Legal (IML) apontou que ela foi violentada e estrangulada. Oscar Gonçalves do Rosário foi preso poucos dias depois da morte da menor.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG