Publicidade
Publicidade - Super banner
Brasil
enhanced by Google
 

Pedido novo habeas para filho de governadora do RN

O advogado Erick Pereira, que representa Lauro Maia, entrou novamente com pedido de habeas-corpus para a soltura do filho da governadora do Rio Grande do Norte, Wilma de Faria (PSB). Lauro Maia está preso desde sexta-feira, quando a PF prendeu 13 pessoas e cumpriu 42 mandados de prisão na Operação Higia, que teve como objetivo desmascarar uma quadrilha que fraudava licitações na Secretaria de Saúde do Rio Grande do Norte.

Agência Estado |

O prejuízo causado pelo esquema é estimado em R$ 36 milhões.

O filho da governadora prestou depoimento ontem na sede da Polícia Federal (PF) do Estado. Lauro Maia deve permanecer detido, no mínimo, até amanhã. Dos 13 presos na sexta-feira, quatro foram liberados após prestar depoimento: a ex-candidata à vereadora de Natal, Jane Alves de Oliveira; Anderson Miguel da Silva, da empresa AIG; o servidor da Procuradoria Geral do Estado, Francenildo Rodrigues Castro; e o funcionário público Marco Antônio França de Oliveira.

Além do filho da governadora, permanecem detidos o empresário Mauro Bezerra; o funcionário da empresa Líder, Luciano de Souza; a mulher do secretário de Segurança Pública do Estado e diretora financeira da Secretaria de Saúde, Maria Eleonora Lopes de Albuquerque Castim; a procuradora estadual Rosa Maria de Apresentação Figueiredo Caldas Câmara; o secretário-adjunto de Esportes, João Henrique Alves Lins Bahia; o empresário do grupo Emvipol, Hebert Florentino Gabriel; Francisco Alves de Souza e Ulisses Fernandes de Barros.

Leia tudo sobre: iG

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG