PRAGA, 19 SET (ANSA) - Após passar mais de 40 anos engavetada, a peça Ptákovina (Equívoco, em tradução livre), primeiro trabalho teatral do autor tcheco Milan Kundera, será encenada hoje à noite em Praga.

Escritor, poeta e intelectual, Kundera escreveu a peça em 1966, mas sua primeira encenação ocorreu somente em janeiro de 1969, na cidade de Liberec. "Ptákovina" foi ainda encenada em outros três teatros da então Tchecoslováquia, antes de ser censurada pelo regime comunista, como todas as obras do escritor.

A peça é uma comédia grotesca sobre mecanismos do poder e do sexo. A história se passa em uma escola sem referências de lugar ou tempo. Um dia, na lousa de uma das salas, aparece um desenho de um símbolo do sexo feminino ao lado da palavra "diretor".

No decorrer das investigações para descobrir quem é o autor do desenho, revelam-se relacionamentos e conexões desagradáveis entre os protagonistas.

Atualmente, Milan Kundera vive e escreve na França, geralmente em francês. Em 2007, em ocasião da primeira publicação em língua tcheca de seu famoso romance "A insustentável leveza do ser", o escritor recebeu em Praga o Prêmio Nacional da Literatura. (ANSA)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.