Universitária é morta ao pedir informações em Pernambuco

Fernanda Patrícia Veras Mateus ia fazer uma filmagem em um haras para a faculdade e precisava de informações para chegar ao local

Renata Baptista, iG Pernambuco |

Foi enterrado, na tarde desta quarta-feira, o corpo da estudante Fernanda Patrícia Veras Mateus, de 26 anos. Ela foi assassinada em uma tentativa de assalto no dia anterior, em Camaragibe (na região metropolitana do Recife).

Fernanda, que estudava Rádio e TV na Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), estava no carro dirigido pela amiga Lorena de Albuquerque, de 25 anos, a caminho de um haras para fazer uma gravação para o projeto de graduação do curso.

AE
Universitária é enterrada no Recife: ela foi morta ao pedir informações na estrada
No caminho, em Chã de Peroba, as jovens resolveram pedir informações para dois homens que estavam no local, mas foram surpreendidas quando um deles pediu a bolsa de Fernanda. De acordo com um depoimento informal prestado por Lorena à polícia, a amiga reagiu e disse que não entregaria seus pertences. Em seguida, foi atingida por um tiro no rosto.

Lorena dirigiu por alguns metros para pedir socorro em uma granja, mas a amiga já estava morta.

Cerca de 200 pessoas compareceram ao enterro da jovem, realizado no Cemitério de Santo Amaro, no Recife. Vestidos de branco, alguns clamavam por justiça e pelo desarmamento.

Fernanda gostava de poesias e queria ser cineasta. Ela iria atuar e dirigir o trabalho de conclusão de curso. A perícia encontrou, no carro onde ela foi morta, um vestido de noiva que ela usaria na gravação. As colegas estavam em Aldeia procurando um cavalo branco para o trabalho. A formatura estava prevista para o fim do semestre.

A família da jovem não quis dar entrevista. O pai não foi ao enterro por indicação médica, e a mãe estava sob o efeito de tranquilizantes.

O delegado Isaías Novaes, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), está investigando o caso. Há a previsão de divulgação do retrato falado dos criminosos até o final da semana.

    Leia tudo sobre: PernambucoRecifeviolência

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG