Uma separação conjugal culminou numa tragédia familiar na noite de ontem, no bairro do Hipódromo, em Recife

selo

Uma separação conjugal culminou numa tragédia familiar na noite deste sábado, no bairro do Hipódromo, em Recife (PE). Inconformado com o fim do casamento, Acyr de Oliveira Correia matou uma das filhas, Priscila Gomes Correia, feriu a outra, Lissandra Gomes Correia, e, na sequência, se matou.

O cárcere privado teve início no final da tarde, mas apenas às 18h50 a Polícia Militar foi acionada, cercando o local. A invasão ocorreu às 21 horas, depois de os policiais ouvirem um disparo.

 O casal estava separado há 15 dias, depois que a esposa de Acyr soube que ele teria assediado a empregada. Ao discutir com as filhas, que pediram que ele saísse de casa, Acyr perdeu a cabeça. A filha mais nova do acusado continua internada no Hospital da Restauração. O caso foi registrado no Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.