Polícia prende homens suspeitos de arrombar caixa eletrônico

Segundo as investigações, eles atuavam em Alagoas e Pernambuco

Renata Baptista, iG Pernambuco |

Seis homens foram presos nesta terça-feira, em Pernambuco, sob suspeita de fazer parte de uma quadrilha especializada em arrombar caixa eletrônicos no Estado, em Alagoas e, possivelmente, em Goiás.

De acordo com as investigações, o grupo estava reunido em uma pousada nas proximidades de Caruaru (a 135 km de Recife, no Agreste do Estado) e estava prestes a realizar o arrombamento de terminais eletrônicos nas cidades de Camocim de São Félix, Caruaru ou Agrestina. Ainda estão sendo levantados quantos terminais teriam sido arrombados pela quadrilha.

Divulgação
Material usado para arrombar caixas
Foram presos Herbert de Oliveira Silva, de 29 anos, João Francisco Filho, de 35 anos, Jefferson Cáceres Gomes, de 29 anos, Raul Carlos da Silva Santos, 22 anos, Carlos Vieira de Melo, de 30 anos, e Everton da Mota Leda, 28 anos. Este último, considerado pela polícia como o mais perigoso, já cumpriu pena por homicídio, sequestro, assalto a banco e tráfico de drogas.Desde março ele é foragido do Presídio de Segurança Máxima da Papuda, no Distrito Federal, onde cumpria pena de 71 anos de prisão.

A operação para prisão contou com policiais federais, rodoviários e militares de Pernambuco e Alagoas. Nos carros dos suspeitos, a polícia encontrou três pistolas, três revólveres, munição, telefones celulares, botijão e cilindro de gás, maçarico, ferramentas, luvas, cordas, pés de cabra, e estrepe para furar pneus - o material seria utilizado para instrumentos arrombar terminais eletrônicos.

Os suspeitos foram presos em flagrante e levados para a Delegacia de Polícia Federal em Caruaru, onde foram autuados por formação de quadrilha armada, receptação e porte ilegal de arma de fogo de calibre permitido e restrito. Caso sejam condenados, poderão pegar penas que somadas variam de 1 a 20 anos de reclusão.

    Leia tudo sobre: assaltoviolênciapernambuco

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG