Dica para o Galo da Madrugada é usar o transporte público

O maior bloco carnavalesco de rua do mundo deve dar um nó no trânsito da capital pernambucana

Renata Baptista, iG Pernambuco |

No sábado, dia do desfile do maior bloco carnavalesco de rua do mundo, o Recife respira Galo da Madrugada. Para quem só pensa na diversão atrás dos trios elétricos, uma dica é se programar para não ficar preso no trânsito, que como é de se esperar, deve ficar bem complicado.

Para o desfile, mais de 100 ruas e avenidas dos bairros de São José, Santo Antônio e Boa Vista serão bloqueadas. A instalação do Galo Gigante na ponte Duarte Coelho começou na noite da quinta-feira. Cerca de 200 agentes de trânsito vão atuar neste sábado para monitorar a circulação de veículos no centro da cidade e orientar os condutores.

A orientação da prefeitura é que o folião deixe o carro em casa e vá para a festa de táxi, metrô ou ônibus  - que recebeu reforço da frota em cerca de 30%. Os itinerários de 160 linhas foram alterados devido às interdições e para melhor atender a demanda.

Ônibus

Ao todo, 50 linhas irão operar com 107 veículos extras, realizando 841 viagens a mais do que em um outro sábado.

Uma linha especial, chamada de "Circular do Galo", vai possibilitar o deslocamento do Terminal do Cais de Santa Rita até o Shopping Tacaruna, passando por pontos estratégicos para o retorno à zona norte da cidade. Seis coletivos realizarão 60 viagens no sábado com este percurso.

Quem quiser voltar mais tarde, os ônibus noturnos - chamados no Recife de "bacurais"- realizarão 383 viagens - 245 além do usual.

As mudanças estão sendo informadas por panfletos e cartazes, mas usuários com dúvidas podem ligar para a central de atendimento do Grande Recife Consórcio, pelo telefone 0800.0810158 das 7h às 19h.

Metrô

As linhas de metrô estarão operando, no sábado, em um esquema de operação especial para atender a demanda dos foliões que vão ao Galo da Madrugada. A Linha Centro será reforçada ficando com 16 trens, que farão seus trajetos com um intervalo de quatro minutos no trecho entre Recife/Coqueiral e de oito minutos nos ramais, entre Coqueiral/Camaragibe e Coqueiral/Jaboatão. Já a Linha Sul contará com quatro trens, operando com intervalo de 12 minutos. Para assegurar a segurança, haverá reforço com 246 contratados e auxilio de policiais militares.

A CBTU-Metrorec recomenda aos usuários que respeitem as filas e comprem bilhetes antecipadamente. Por questões de segurança, não será permitido o consumo de bebidas alcoolicas nas estações e trens, nem será autorizada a condução de recipientes de vidro ou lata nas dependências do metrô.

Táxi

Para quem vai de táxi, a Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) programou pontos estratégicos do serviço de Táxi Evento. Pelo segundo ano, um convênio permitirá que os táxis de Olinda também atuem no Recife. A companhia estima que mais de quatro mil táxis estejam operando durante todo o Carnaval. Por portaria municipal, das 6h do sábado até as 6h da quarta-feira de Cinzas, os táxis irão operar na bandeira 2, que tem o custo de R$ 2,04. A bandeirada é de R$ 3,50. Após o período, a tarifa por quilômetro rodado volta à bandeira 1, que é de R$ 1,70.

Os pontos do Táxi Evento programados para o sábado são: Cais de Santa Rita (nos dois sentidos, em frente ao Grande Recife); rua dr. José Mariano (próximo à Ponte 6 de Março/Ponte Velha); avenida Martins de Barros com a avenida Nossa Senhora do Carmo e rua do Hospício com rua Riachuelo.

    Leia tudo sobre: pernambucorecifegalo da madrugada

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG