Patrimônio Mundial inclui sítios de México e Cuba e amplia Cavernas de Altamira

A Unesco incluiu 13 novos sítios em sua lista de Patrimônio Mundial, três deles na América Latina, e ampliou o das Cavernas de Altamira, na Espanha, com as inscrições de 17 novas grutas.

AFP |

Na noite de segunda-feira, o comitê de especialistas de 21 países da Unesco decidiu incluir na herança cultural da Humanidade o único candidato cubano, o centro histórico de Camagüey, e os dois candidatos do México, a reserva da biosfera da borboleta monarca e a cidade de San Miguel de Allende, localizada ao lado do santuário de Jesús Nazareno de Atotonilco.

A reserva, localizada cerca de 100 km a noroeste da Cidade do México, com 56.259 hectares de uma grande variedade de microclimas e diversas espécies endêmicas da flora e da fauna, recebe a cada outono milhões de borboletas monarcas provenientes da América do Norte, que se repousam nesse local para depois iniciarem na primavera (hemisfério norte) uma migração de oito meses para o leste do Canadá.

San Miguel de Allende é "uma das obras-primas do estilo de transição entre o barroco e o neoclássico" e o Jesús Nazareno é "um dos exemplos mais belos da arquitetura e a arte barrocas da Nova Espanha", acrescentou.

Quanto ao centro histórico de Camagüey, uma das primeiras populações fundadas pelos espanhóis na ilha, os especialistas o definiram como "um exemplo excepcional de assentamento urbano tradicional relativamente distante das principais rotas comerciais".

Pouco antes, a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco), que realiza sua reunião anual até 10 de julho na cidade canadense de Quebec, havia admitido vários aspirantes da Ásia e da Europa que apresentaram o "valor excepcional universal" necessário.

A Unesco incluiu, entre outros, um templo hindu no Camboja, as cidades históricas malaias de Melaka e George Town, no estreito de Malacca, o sítio agrícola de Kuk, em Papua Nova Guiné, e a rede de sítios militares construídos pelo marechal Vauban, na França.

bur-elg/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG