Partes de animais silvestres são encontradas em MS

Também foram apreendidas 12 armas, munições e objetos usados para caçar onça

AE |

selo

A Polícia Federal (PF) e o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) apreenderam ontem várias partes de animais silvestres, 12 armas, munições e objetos usados para caçar onça em uma fazenda no município de Aquidauana, no Mato Grosso do Sul. Um vídeo enviado por um denunciante norte-americano sobre a matança possibilitou aos agentes localizarem a fazenda.

Duas cabeças de onças-pintadas abatidas encontradas na fazenda serão periciadas na Embrapa Pantanal. Após a perícia, o Ibama lavrará o auto de infração e multará a proprietária do local. A multa regular para esse tipo de crime ambiental é de R$ 5 mil por animal abatido, mas a penalidade deverá ser dobrada por envolver também o uso comercial para fins de turismo. Foram encontrados ainda couros de outros animais silvestres.

A operação foi um desdobramento da operação Jaguar que, em julho de 2010, desbaratou uma quadrilha de caçadores de onça no Pantanal. Agentes do Ibama e da PF seguem investigando o envolvimento de outros fazendeiros nesse tipo de iniciativa.

    Leia tudo sobre: partes de animaisarmasmuniçõesonçaIbamaMS

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG