Para PM, traficantes jogavam corpo de rivais para jacarés

Policiais do 14º Batalhão da Polícia Militar apreenderam hoje uma metralhadora, três granadas, dois fuzis, 8 quilos de maconha e 5 mil papelotes de cocaína na Favela da Coréia, no Rio, em operação conjunta com equipes de delegacias especializadas da Polícia Civil para coibir o tráfico de drogas na região. Na mesma ação, foram apreendidos dois jacarés, que segundo o delegado Ronaldo Oliveira, titular da Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA), eram usados por traficantes para se livrar de corpos de criminosos rivais mortos na região.

Agência Estado |

"Os jacarés são um símbolo de poder do tráfico. Quando eles conseguem pegar um traficante rival, eles matam o criminoso e dão para os jacarés, que são carnívoros", disse o delegado. Os animais foram encontrados no quintal de uma casa na região. De acordo com o delegado, eles também eram usados para ameaçar os moradores da região e vítimas de seqüestro relâmpago.

    Leia tudo sobre: pf

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG