Para Múcio, governo não ficou surpreso com vitória do PMDB

BRASÍLIA - O ministro de Relações Institucionais, José Múcio Monteiro, admitiu nessa segunda-feira que o Governo não ficou surpreso com a vitória do candidato Michel Temer (PMDB-SP) para a presiência da Câmara e do senador José Sarney (PMDB-AP) para o Senado.

Carollina Andrade - Último Segundo/Santafé Idéias |

"Não houve surpresa, todo mundo já imaginava qual seria o resultado. Entendemos que as duas Casas são soberanas e experientes para escolher os seus representantes. O Palácio do Planalto tem a consciência tranquila de que as casas estão em boas mãos", destacou Múcio, após reunião ministerial.

De acordo com o ministro de articulações políticas do governo, apesar da disputa ter ocorrido entre aliados da base governista, a derrota sempre deixa marcas. "Por mais democrático que seja, sempre há um ressentimento, os vitoriosos saem com alegria, e os que perderam saem magoados", disse.

Questionado sobre a possibilidade de haver mudança nos ministérios após a vitória do PMDB nas duas casas, Múcio negou. "Os ministérios se manterão os mesmos, não haverá mudança", afirmou.

Ele informou ainda que o Governo deve se reunir nesta terça-feira com a base para "reequilibrar" as forças. "Nós já vinhamos trabalhando com o PMDB. Agora é só reequilibrar as forças, as demandas e manter o diálogo", completou.

Leia mais sobre: eleições no Congresso

    Leia tudo sobre: câmara dos deputados

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG