Para Alckmin, PSDB quer candidatura própria em SP

O ex-governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), fez questão ontem de dizer que está mantida sua pré-candidatura à Prefeitura da capital, mesmo após o anúncio do apoio do PMDB ao prefeito Gilberto Kassab (DEM). Sou um homem de partido e tenho a convicção de que o PSDB quer uma candidatura própria”, disse.

Agência Estado |

Segundo ele, o presidente municipal do partido, José Henrique Reis Lobo, consultou as bases do PSDB e lhe disse que há um sentimento pela candidatura própria.

Alckmin disse ainda não acreditar na participação do governador José Serra (PSDB) na articulação em prol da aliança do PMDB de Orestes Quércia com o DEM. “Assim como eu, o governador é um homem de partido e, como eu também, um dos fundadores do PSDB”, comentou. Questionado se o apoio do PMDB ao DEM mudaria algo no quadro atual, ele saiu pela tangente. “Cabe ao povo julgar as alianças. Não cabe a mim fazer comentários sobre isso”, disse, com certo ar de irritação.

O grupo de Alckmin vai pressionar para aprovar, na Executiva Municipal do partido, a candidatura própria nas eleições deste ano e o rompimento com o DEM. Mesmo que a tese seja endossada, a decisão ainda depende do aval do Diretório Municipal tucano, que deverá ser convocado para analisar a questão no dia 5 de maio. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo .

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG