LONDRES (Reuters) - O papa Bento 16, cuja voz aparece em um disco lançado pelo Vaticano, foi indicado na segunda-feira ao Classical Brit Award (prêmio britânico da arte clássica). Música do Vaticano (Alma Mater apresentando a voz do papa Bento 16) é um dos dez candidatos na categoria álbum do ano, junto com o disco de estreia de Faryl Smith, 14 anos, revelação do programa de calouros Britains Got Talent, indicada também na categoria juvenil.

Também receberam duas indicações o maestro Antonio Pappano, diretor musical da Royal Opera britânica, e o compositor Howard Goodall.

Com três concorrentes que já venceram o prêmio, a categoria de melhor artista feminina deve ser muito disputada. Entre as indicadas estão a soprano romena Angela Gheorghiu (vencedora e 2001), a soprano russa Anna Netrebko (vencedora em 2007 e 2008) e a regente e violinista norte-americana Marin Alsop (ganhadora em 2005).

Na cerimônia de premiação, no dia 13 de maio no Royal Albert Hall, de Londres, a soprano neozelandesa Kiri Te Kanawa receberá um prêmio pelo conjunto da obra.

(Reportagem de Mike Collett-White)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.