Papa Bento 16 nomeia bispos para 5 dioceses do Brasil

O papa Bento 16 nomeou hoje novos bispos para as dioceses de Belém, Franca, São Paulo, Jundiaí e Goiânia. O arcebispo metropolitano de Belém será dom Alberto Taveira Corrêa, atualmente arcebispo de Palmas (TO).

Agência Estado |

Bento 16 nomeou para Franca (SP) dom Pedro Luiz Stringhini, atual bispo auxiliar na Arquidiocese de São Paulo. No lugar de dom Pedro ficará o padre Edmar Peron, do clero de Maringá (PR).

Outra nomeação foi a do quinto bispo da Diocese de Jundiaí (SP), dom Vicente Costa, atualmente bispo da cidade de Umuarama (PR). E o padre Waldemar Passini Dalbello, do clero de Brasília, será bispo auxiliar de Goiânia. As nomeações estão publicadas no boletim oficial do Vaticano, nos Serviços de Informação do site www.vatican.va.

Até a posse de dom Vicente Carvalho - ainda sem data anunciada - a Diocese de Jundiaí continuará governada pelo padre Joaquim Wladimir Lopes Dias, que é administrador diocesano. Ele ocupa a função há 11 meses, desde 28 de janeiro de 2009, após a nomeação de dom Gil Antônio Moreira, 4º bispo diocesano, como arcebispo para a Arquidiocese de Juiz de Fora (MG).

Dom Vicente, o novo bispo de Jundiaí, tem 62 anos, responde pela Diocese de Umuarama desde 9 de outubro de 2002. Ordenado sacerdote em 17 dezembro de 1972, foi sagrado bispo em 19 setembro de 1998. Tem como lema a frase "Fazei tudo o que Ele vos disser" (Jo 2,5). Segundo a Bíblia, ela foi dita por Maria aos discípulos de seu filho, Jesus, nas Bodas de Caná - uma festa de casamento onde Jesus teria realizado seu primeiro milagre público, transformando água em vinho, para que a festa não acabasse.

O novo bispo de Jundiaí foi vigário da Catedral Nossa Senhora da Glória, em Maringá (PR), pároco em diversas igrejas do Estado e coordenador de pastoral. É doutor em Teologia pela Pontifícia Universidade Gregoriana de Roma e leciona em institutos católicos de sua região.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG