País é eleito membro interino do Conselho de Segurança

O Brasil foi eleito hoje para uma vaga de membro temporário do Conselho de Segurança (CS) das Nações Unidas, segundo agências internacionais. O País assume uma cadeira no órgão a partir de janeiro, com mandato de dois anos.

Agência Estado |

Também foram apontados pela Assembleia-Geral para as vagas temporárias Nigéria, Bósnia, Líbano e Gabão. Nenhum dos cinco países tinha concorrentes regionais na disputa pelos postos.

É a segunda participação do Brasil no Conselho de Segurança durante o governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva - a primeira foi entre 2004 e 2005 - e a décima participação do País desde a criação do órgão, em 1946. O Conselho tem 15 membros, sendo cinco deles permanentes, com poder de veto: Estados Unidos, Grã-Bretanha, França, China e Rússia.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG