O ministro de Relações Institucionais, Alexandre Padilha, disse nesta tarde que, se depender do presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o presidente do Banco Central, Henrique Meirelles, não sairá o cargo agora em abril. O presidente não conversou ainda com o ministro Meirelles.

Está se agendando essa conversa. Por ele (Lula), Meirelles e outros não sairão do governo", disse Padilha, referindo-se às intenções de Meirelles de deixar o BC para definir o seu destino político.

Ministérios

Segundo Padilha, no encontro de hoje com os presidentes do Senado, José Sarney, da Câmara, Michel Temer e o líder do governo no Senado, Romero Jucá (todos do PMDB), o presidente Lula reafirmou que as substituições nos ministérios, para os titulares que se afastarem para concorrer às eleições de outubro, serão técnicas e não políticas.

"O presidente Lula reafirmou que pretende manter os atuais ministros para a máquina continuar funcionando, e se tiver que substituir será por pessoas que já fazem parte dos ministérios. Ele quer pessoas que já fazem parte do ministério, secretário executivo ou não", afirmou Padilha.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.