PAC: dos R$ 18,9 bi orçados para 2008, R$ 17 bi foram empenhados

Brasília, 4 - O ministro do Planejamento, Orçamento e Gestão, Paulo Bernardo, informou há pouco que, no ano passado, dos R$ 18,9 bilhões do orçamento do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC), R$ 17 bilhões foram empenhados em obras, incluindo os setores de logística e energia. Ao longo do ano, foram pagos R$ 11,4 bilhões, que se referem a recursos de 2008 somados a restos a pagar de 2007.

Agência Estado |

Bernardo informou ainda que, nos dois anos de PAC (2007 e 2008), foram comprometidos R$ 33 bilhões e pagos R$ 18,7 bilhões. O balanço do ministro mostra que de 2007 para 2008 houve um crescimento de 55% no valor total de pagamento das obras do PAC. Em 2007, foram pagos R$ 7,3 bilhões.

Bernardo explicou que o governo deverá fazer neste ano mais de uma revisão no PAC com o objetivo de acelerar a implantação do programa. Segundo ele, obras que estiverem com algum tipo de embaraço, como exigências do Tribunal de Contas da União ou de licença ambiental, terão seus recursos destinados a outros projetos que já estejam desimpedidos. "Estamos certos de que vamos ajudar a empurrar a economia neste ano para números próximos de antes de crise", afirmou o ministro, encerrando sua exposição. (Gerusa Marques, Fabio Graner e Leonardo Goy)

    Leia tudo sobre: pac

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG