Campanha sobre divisão do Pará em rádio e TV chega ao fim

Nesta quarta, separatistas repetiram apelos à região de Belém. Unionistas fizeram clipe emotivo com celebridades. Veja vídeo

Wilson Lima, iG Maranhão |

O último dia de campanha plebiscitária do Pará em rádio e TV terminou sem grandes surpresas,usando vídeos e motes dos outros dias. As frentes do “Sim” voltaram a fazer um apelo aos moradores da região metropolitana de Belém, pedindo a adesão deles à campanha separatistas. Os unionistas terminaram falando em “lições do plebiscito” e com um clipe com celebridades da música paraense.

"Tapa na Cara" e "Quero meu Parazão": Reveja vídeos da campanha  no Pará

Os separatistas encerraram a campanha fazendo um resumo dos benefícios da divisão do Estado. Com Carajás e Tapajós, segundo eles, haverá mais recursos federais e isso será fundamental para a construção de novas estruturas na saúde e educação, dando mais oportunidades para a população local.

O debate:

- Conheça os argumentos de quem é a favor e contra a divisão do Pará

null A campanha:

- Na reta final, separatistas ficam sem tempo no rádio e na TV

- Governador do Pará diz que plebiscito cria ressentimento e mágoa

- 'Não somos galos em rinha', diz governador em direito de resposta

- Tacacá e Belém são estrelas do início da campanha do plebiscito

- Receita dos municípios vira alvo de disputa em campanha

- Exército vai reforçar segurança durante plebiscito

Eles também pediram a Belém que “não abandone” os irmãos do interior do Estado. Desde o início da campanha, esse foi uma das maiores preocupações dos separatistas: ganhar espaço na região metropolitana do Estado, onde estão concentrados 2/3 dos votos e onde a ideia da criação de Carajás e Tapajós é amplamente rejeitada.

O encerramento da propaganda do “Não” teve dois momentos. O primeiro foi um pronunciamento do presidente da Frente Contra a Criação do Estado de Carajás, Zenaldo Coutinho (PSDB), falando que a criação dos novos Estados “atende apenas a interesses particulares”. Ele também citou a campanha como um “aprendizado”. “Todos olharam o Pará como um todo”, pontuou.

Como havia antecipado o iG no início da semana, a propaganda unionista terminou com um ‘super-clipe’ , com vários cantores paraenses declarando, mais uma vez, “Não” à divisão do Estado. Entre eles estavam Fafá de Belém e Leila Pinheiro.

    Leia tudo sobre: ParáTapajósCarajásplebiscitodivisão do Paráinfográfico

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG