Aeronáutica afasta soldados que foram filmados agredindo recruta no Pará

Em vídeo, recruta é obrigado a repetir exercícios físicos e depois é agredido com chute e pisões por soldados, dentro do Hospital de Aeronáutica, em Belém

Agência Estado |

Agência Estado

O Comando da Aeronáutica informou que afastou seis soldados filmados agredindo um recruta, no último dia 20 de julho, dentro do Hospital de Aeronáutica, no bairro de Souza, em Belém. As agressões foram gravadas por outro soldado, com um celular, e divulgada pela TV Liberal, afiliada da TV Globo no Pará.

Leia também:  FAB expulsa militar que incentivou agressores de estudante pelo Twitter

Reprodução de TV/TV Liberal
Recruta sendo agredido durante trote no alojamento do Hospital da Aeronáutica

Por meio de uma nota, o comando da Aeronáutica informou que acompanha as investigações do caso e que os culpados serão punidos de acordo com a lei.

No vídeo, os soldados aparecem aplicando um trote no recruta. O jovem é obrigado a repetir exercícios por alguns minutos. Quando ele se agacha, recebe um golpe e começa o ataque. O militar é arrastado e atingido por chutes e pisões.

Os soldados poderão ser expulsos da Aeronáutica após a conclusão do inquérito policial e o encaminhamento do caso à Justiça Militar. Também poderão responder criminalmente pelo ocorrido.

    Leia tudo sobre: agressãotroteAeronáuticaBelém

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG