Oscar, a estátua de origem incerta que todos os astros de Hollywood ambicionam

LOS ANGELES ¿ A estatueta dourada do Oscar, que premia os melhores do cinema, se tornou o fetiche de Hollywood nos últimos 80 anos, mas sua origem perdeu-se no tempo.

AFP |

Com apenas 33 cm e 3,85 kg, esta figura de um homem calvo e fornido é o filho predileto da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas, nascida em 1927 para promover os filmes da empresa. No início, a Academia era integrada por 36 membros e somava 5.830 membros, presididos pelo ator Douglas Fairbanks.

A Academia criou o troféu dourado para honrar o desempenho dos principais atores, atrizes e diretores da indústria e, com o passar do tempo, foi incorporando novas categorias.

O diretor de arte do estúdio Metro-Goldwyn-Mayer, Cedric Gibbons, foi escolhido para desenhar a estatueta: a figura dourada de um cavaleiro nu e corpulento, de braços cruzados, segurando uma espada e de pé sobre um rolo de filmagem.

A primeira cerimônia de entrega desse prêmio - um jantar simples e curto - foi em 16 de maio de 1929 no Hotel Roosevelt de Hollywood, a poucos metros de onde hoje é realizado o Oscar, o Teatro Kodak.

As primeiras versões da estátua eram de bronze, mas durante a II Guerra Mundial - devido à escassez de metais -, os troféus começaram a ser feitos de gesso. Estes últimos foram substituídos pelas atuais estatuetas banhadas a ouro e prata.

A origem do nome da estatueta não é clara, mas segundo a lenda, a encarregada da livraria da Academia e a eventual diretora executiva Margaret Herrick a achava muito parecida com seu tio Oscar. A partir daí, seu pessoal começou a chamar a estatueta de Oscar.

Um jornalista especializado em Hollywood, Sidney Skolsky, utilizou o nome numa coluna de 1934 e a Academia acabou adotando o apelido em 1939.

Na primeira cerimônia de entrega do prêmio, que durou 15 minutos, só foram entregues 15 estatuetas. Neste domingo serão entregues 50 troféus em 24 categorias, devido à inclusão de um número cada vez maior, como efeitos visuais e filme de animação.

Transmitida inicialmente por rádio, a premiação da Academia foi exibida em preto e branco pela primeira vez em 1953 e, 13 anos mais tarde, a cores.

Leia mais sobre: Oscar 2009

    Leia tudo sobre: oscar

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG