Orquestra Filarmônica da China tocará para o Papa no Vaticano

A Orquestra Filarmônica da China oferecerá ao Papa Bento XVI um concerto no dia 7 de maio no Vaticano, anunciou nesta terça-feira a Rádio Vaticano.

AFP |

A orquestra chinesa, dirigida pelo maestro Long Yu acompanhada pelos coros da ópera de Xangai, tocará para o Papa o Réquiem de Mozart, indicou a emissora.

Bento XVI, apaixonado por música clássica e em particular pelas do compositor alemão, completou neste mês três anos de pontificado.

"Que a música sirva como laço de união entre os povos e as culturas", pediu a emissora da Santa Sé.

O concerto, organizado no âmbito do giro que a orquestra realiza na Europa, ocorre em um momento crítico para as relações entre o Vaticano e a China.

A Santa Sé rompeu relações diplomáticas com a China em 1951 e trabalha há alguns anos para se aproximar de Pequim, com o objetivo de reunificar a Igreja desse país, dividida entre a "oficial", reconhecida pelo governo, e a clandestina, fiel ao Papa.

O Vaticano impulsiona um "diálogo construtivo e respeitoso com as autoridades civis" chinesas, explicou em meados de março em um comunicado oficial.

bur-kv/fb/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG