Oposição sai com uma candidata a mais para 2010, diz Jucá

BRASÍLIA - O líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), disse que o governo está satisfeito com as explicações da ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, sobre o suposto dossiê com gastos do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso. De acordo com ele, após a audiência, a oposição sai com uma dor de cabeça, com uma candidata a mais no processo de disputa de 2010.

Severino Motta - Último Segundo/Santafé Idéias |

"Tem que ver agora se a oposição está satisfeita", disse. Pela manhã, Jucá já havia sugerido que Dilma teria se fortalecido para a disputa de 2010. Isso porque, segundo ele, a ministra conseguiu negar qualquer participação no dossiê, mostrando capacidade política para um embate eleitoral.

O depoimento da ministra na comissão de Infra-estrutura do Senado dura mais de sete horas. Ela foi convocada para falar sobre as obras do PAC e sobre o suposto dossiê com gastos de FHC.

Na ocasião ela reiterou a inexistência de documentos destinados a constranger a oposição e reafirmou que a Casa Civil fez um banco de dados em que algumas informações foram vazadas.

Dilma ainda lembrou que uma auditoria interna na Casa Civil está em curso, bem como investigações da Polícia Federal para descobrir quem foi o responsável pelo suposto vazamento dos gastos.

Leia também:

    Leia tudo sobre: dilma

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG