Oposição entra com representação contra Dilma e Lula no TSE

SÃO PAULO - Os partidos de oposição (PSDB, DEM e PPS) protocolaram hoje representação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) contra o presidente Luiz Inácio Lula da Silva e a ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, por campanha eleitoral antecipada. Essa é quinta vez que a oposição busca a justiça eleitoral para acusar os integrantes do governo de fazer propaganda antes do prazo previsto pela lei.

Valor Online |

No entanto, em nenhuma das oportunidades houve condenação.

Os três partidos avaliam que Lula e Dilma descumpriram as regras durante inaugurações no Vale do Jequitinhonha, em Minas Gerais, na última terça-feira.

Na ocasião, o presidente declarou que pretende inaugurar o máximo de obras possíveis até março porque a ministra será obrigada, pela justiça eleitoral, a se desencompatibilizar do cargo em abril.

Os oposicionistas alegam que Lula tenta promover Dilma ao utilizar eventos oficiais para fazer campanha antecipada com recursos públicos .

Enquanto aguardavam a chegada da comitiva presidencial, as pessoas que participaram da cerimônia tinham alimentos e bebidas à disposição.

(Fernando Taquari | Valor)

    Leia tudo sobre: tse

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG