RIO DE JANEIRO ¿ Um suposto traficante morreu e outros três foram presos na operação que a Polícia Civil realiza desde o início da manhã desta quarta-feira na Favela da Rocinha, na zona sul do Rio de Janeiro. De acordo com a polícia, a ação tem como objetivo prender os criminosos que tentaram invadir a Ladeira dos Tabajaras, em Copacabana, na noite do último sábado. Entre os bandidos procurados está Antônio Bonfim Lopes, o Nem, considerado o chefe do tráfico de drogas na Rocinha.

Cerca de 250 policiais de diversas delegacias especializadas participam da operação desta quarta-feira. Os agentes chegaram à favela por volta das 6h, quando houve um intenso tiroteio que culminou na morte de um suspeito. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, a vítima já chegou morta ao Hospital Miguel Couto, na Gávea, com diversas perfurações no abdome. O policiamento na unidade está reforçado.

Durante a incursão pela Rocinha, os policiais apreenderam uma tonelada de maconha, dois fuzis, três pistolas e uma granada. A droga apreendida teve que ser retirada da favela com o auxílio de um helicóptero. Os agentes também localizaram na comunidade um laboratório que era usado para o refino de cocaína. Nas paredes do local havia rabiscos com valores da contabilidade do tráfico na favela.

Veja também:

  • Veja imagens da operação na Ladeira dos Tabajaras
  • Criança é baleada e moradores incendeiam ônibus no Rio
  • Polícia realiza nova operação na Ladeira dos Tabajaras

    Leia mais sobre: violência no Rio

    • Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.