Operação policial deixa três mortos no Morro Pavão-Pavãozinho

RIO DE JANEIRO ¿ Pelo menos três suspeitos morreram na operação que a Polícia Civil realizou nesta sexta-feira no Morro Pavão-Pavãozinho, entre os bairros de Copacabana e Ipanema, na zona sul do Rio de Janeiro. Coordenada pela Delegacia de Combate às Drogas, a ação teve como objetivo prender o chefe do tráfico na região, acusado de comandar mortes no município de Niterói, na Região Metropolitana do Rio, mas ele não foi encontrado.

Redação com Agência Estado |

De acordo com a polícia, um dos mortos nesta sexta-feira foi identificado como Claudenir Leandro Kremmer, de 31 anos. Ele é apontado como um dos gerentes do tráfico de drogas no Morro Pavão-Pavãozinho.

Os outros dois suspeitos mortos na ação foram baleados no alto do morro, em uma localidade da favela conhecida como Vietnã. Eles foram resgatados pelo helicóptero da Polícia Civil e levados para o Hospital Municipal Miguel Couto, na Gávea, mas morreram no caminho para a unidade. O resgate dos dois pendurados no cabo da aeronave chamou a atenção de moradores e turistas.

AE

Suspeitos baleados no alto do morro são resgatados por helicóptero da Polícia Civil

Durante a operação, os policiais também prenderam um suspeito de ter participado da morte de um policial em novembro do ano passado e três pessoas foram detidas para averiguação. Foram apreendidos ainda uma metralhadora, um fuzil M-16, uma pistola, um radiotransmissor e uma camisa com o símbolo do Bope.

Também na manhã desta sexta-feira, soldados do Grupamento de Policiamento em Áreas Especiais da Polícia Militar encontraram no Pavão-Pavãozinho 485 trouxinhas de maconha, dois tabletes da mesma droga e 213 sacolés de cocaína.

Por conta da ação desta sexta-feira, 300 operários do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na favela tiveram de parar suas atividades. As crianças que já estavam em creches localizadas na comunidade foram mantidas em locais considerados seguros.

Leia mais sobre: tráfico de drogas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG