Operação em Manguinhos termina com um suspeito morto, três feridos e dois presos

RIO DE JANEIRO ¿ Um suspeito morreu, três ficaram feridos e outros dois foram presos na operação que a Polícia Civil realizou na manhã desta quarta-feira na favela de Manguinhos, na zona norte do Rio de Janeiro. De acordo com a Delegacia de Roubos e Furtos de Automóveis (DRFA), a ação teve como objetivo reprimir o roubo de veículos e o tráfico de drogas na região.

Redação |

AE

Policiais fazem buscas pela favela de Manguinhos

Segundo a polícia, a vítima fatal e os outros três feridos foram baleados em uma troca de tiros ocorrida durante a chegada dos agentes à comunidade. A vítima fatal foi encaminhada para o Hospital Geral de Bonsucesso, mas chegou morta ao local. Outros dois feridos foram levados para a mesma unidade e, o terceiro, para o Hospital Estadual Getúlio Vargas, na Penha.

O delegado titular da DRFA, Márcio Mendonça, informou que na favela de Manguinhos foi encontrada uma casa com grande quantidade de medicamentos. O local servia como uma espécie de enfermaria para o tráfico. Os policiais também apreenderam na comunidade 50 motos roubadas, 150 quilos de maconha e 700 trouxinhas de cocaína.

Por causa da ação, as obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) na avenida Leopoldo Bulhões chegaram a ser paralisadas. Participam da incursão em Manguinhos cerca de 200 policiais da DRFA e das delegacias de Repressão as Armas e Explosivos (DRAE), de Combate as Drogas (DCOD), da Polinter e da Coordenadoria de Recursos Especiais (CORE).

* com informações da Agência Estado

Leia mais sobre: Manguinhos

    Leia tudo sobre: manguinhosoperação policial

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG