RECIFE - Foram presas 43 pessoas nesta quarta-feira na Operação Guararapes, que tem como objetivo desmanchar um grupo de extermínio que atuava na cidade de Jaboatão do Guararapes, região metropolitana de Recife, Pernambuco.

As investigações começaram em fevereiro, e houve a identificação dos grupos, que agiam na região há oito anos e são acusados de serem os responsáveis por inúmeros homicídios.

Foram decretadas as prisões de empresários, policiais e dois candidatos a vereador do município de Jaboatão dos Guararapes.

De acordo com o secretário de Defesa Social de Pernambuco, Joel Venâncio, a operação está na primeira fase. Acredito que outras prisões serão efetuadas a partir dos depoimentos e da conclusão desta ação. A expectativa é de haver uma redução significativa no número de homicídios na área.

Participaram da operação conjunta da polícia militar e civil, 423 policiais, foram utilizadas 135 viaturas e um helicóptero. Será realizada uma entrevista coletiva amanhã,quinta-feira, para que as autoridades apresentem os resultados da operação.

Leia mais sobre: Grupos de extermínio

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.