Vítimas, suspeitas de pertencerem a uma quadrilha que assaltava bancos, morreram durante troca de tiros com os agentes da polícia

selo

Dois homens morreram e seis foram presos na noite desta quarta-feira durante operação da Polícia Federal (PF) em Umarizal, no Rio Grande do Norte.

A ação teve por objetivo coibir os constantes assaltos a bancos na região oeste do Estado. Segundo a PF, que apreendeu armas e munição, as vítimas morreram durante troca de tiros com os agentes.

A Delegacia da PF em Mossoró passou a realizar diligências e, na noite desta quarta-feira, ao realizar uma barreira na rodovia RN-117, nas proximidades da cidade de Olho D'Água dos Borges, abordou um veículo que conduzia cinco ocupantes.

Interrogados, os suspeitos, que foram presos, informaram o paradeiro do restante da quadrilha, na zona rural de Umarizal. Quando os policiais chegavam à sede de uma fazenda, começou o tiroteio, que resultou em dois suspeitos mortos e mais um preso.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.