Oito pessoas foram presas em flagrante durante operação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) para combater a venda de medicamentos ilegais em João Pessoa, na Paraíba. Ao todo, foram fiscalizados dez estabelecimentos.

Sete farmácias foram interditadas. Os fiscais apreenderam comprimidos para disfunção erétil contrabandeados do Paraguai, produtos contrabandeados da Bolívia e medicamentos com prazo de validade vencido.

A operação "Sequela" foi realizada entre os dias 11 e 13 deste mês, em uma parceria com a agência de vigilância sanitária do estado (Agevisa), a vigilância sanitária municipal, Ministério Público (MP), Procon estadual e as polícias Civil e Militar.

Solange Spigliatti

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.