Operação Carnaval nas estradas federais do Rio se intensifica a partir do fim da tarde

O movimento de volta do feriadão de carnaval nas rodovias federais que cortam o Rio de Janeiro deve se intensificar a partir do fim da tarde de desta terça-feira, conforme expectativa da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

Agência Brasil |

De acordo com a inspetora do núcleo de comunicação social da corporação Rosângela Gomes, é recomendável que os motoristas antecipem o retorno para evitar os engarrafamentos.

A nossa recomendação é que a população não deixe para voltar no fim do feriado. O movimento de carros nas estradas do Rio chegam a triplicar nessa época. É comum que, em trechos que geralmente levam duas horas para serem percorridos, os motoristas demorem até cinco, seis, sete horas para trafegar, afirmou.

Rosângela Gomes informou que a movimentação deve ser maior nas estradas que levam às cidades da Região Lagos, como Búzios e Cabo Frio, e também à Costa Verde, onde ficam os municípios de Angra dos Reis e Paraty.

Ela recomenda que os motoristas planejem a volta, observando as condições do carro e programando as paradas para abastecimento do veículo e para as refeições. A inspetora da PRF também alertou para a atenção que os motoristas devem ter quanto às leis de trânsito, não misturando álcool e direção e evitando trafegar pelos acostamentos.

Segundo Rosângela, em engarrafamentos, os motoristas costumam se distrair e é comum haver pequenas colisões que causam grandes transtornos ao tráfego. Tranquilidade e prudência são elementos fundamentais para voltar em segurança, acrescentou.

A inspetora destacou que todo o efetivo da corporação no estado ¿ 800 homens - está mobilizado para a Operação Carnaval, que vai até a meia-noite de hoje (17). A ação, no entanto, pode ser prolongada até o próximo domingo, caso haja necessidade.

O primeiro balanço oficial deve ser divulgado na manhã de quinta-feira (18), mas dados preliminares revelam que o acidente mais grave desde o início do feriadão aconteceu na região de Campos dos Goytacazes, no norte do estado, quando um carro capotou, matando uma criança de 1 ano. Duas pessoas ficaram gravemente feridas.

Leia mais sobre: estradas


    Leia tudo sobre: estradas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG