O Brasil foi reeleito para o Conselho dos Direitos Humanos da Organização das Nações Unidas (ONU). A Assembléia-Geral da ONU realizou hoje a votação para a renovação de 15 dos 47 assentos do conselho.

Brasil, Argentina e Chile foram escolhidos para ocupar as vagas do grupo latino-americano por um período de três anos, que começará no dia 20. O conselho foi criado há dois anos para substituir a Comissão de Direitos Humanos, que foi extinta após 60 anos por causa da falta de legitimidade. As decisões da comissão eram consideradas politizadas demais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.