Oliver Stone exibirá documentário sobre Chávez em Veneza

O diretor americano Oliver Stone, vai exibir domingo e segunda-feira seu documentário South of the border (Ao sul da fronteira), sobre o presidente Hugo Chávez, no festival de Veneza, na Itália, com a presença de uma delegação oficial do governo venezuelano, indicaram nesta sexta-feira à AFP fontes diplomáticas venezuelanas.

AFP |

"A presença do presidente Chávez ainda não foi confirmada. Por enquanto, uma delegação oficial assistirá ao filme", afirmaram.

Stone, de 62 anos, vencedor de três Oscar pelo roteiro do filme "O expresso da meia noite" (1978) e a direção de "Platoon" (1986) e "Nascido em 4 de julho" (1989), apresentará em Veneza, fora de concurso, o documentário sobre a figura política do líder venezuelano.

"Não sei se vou, estamos estudando as possibilidades. Oliver pediu em carta que fôssemos à Itália", antecipou Chávez, à imprensa. O presidente venezuelano está fazendo um giro por Líbia, Argélia, Síria, Irã, Belarus, Rússia e Espanha.

No documentário, de 74 minutos, que será projetado domingo à imprensa especializada, há entrevistas com vários líderes latino-americanos, desde o presidente brasileiro, Luiz Inácio Lula da Silva, até o presidente boliviano, Evo Morales, passando pelo casal Kirchner na Argentina e o presidente do Paraguai, Fernando Lugo, para demonstrar que Chávez "não é o inimigo público número um que os EUA temem, destacou o cineasta.

Stone, sensível à realidade latino-americana e autor, entre outros filmes, de "Comandante" (2003), sobre Fidel Castro, e "Salvador" (1986), sobre o conflito na América Central, considera que Chávez encarna "a mudança" que o continente vive hoje.

kv/lm/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG